Começando

Às vezes converso com algumas pessoas sobre o problema de perder peso e escuto algo do tipo:

– Mas para você é fácil, você corre 10 km. Eu não consigo correr nem 1 km sem parar!

Realmente, hoje eu corro tranquilamente 10 km, dependendo da velocidade claro, mas nem sempre foi assim. Comecei caminhando e pouco.

Algumas pessoas que já me conhecem sabem que eu comecei a me preocupar com a minha saúde quando tinha cerca de 40 anos, estava pesando 99kg (para 1,74m de altura) e comecei a tomar remédio para controle da pressão arterial por recomendação médica.

Mas como eu comecei a perder peso? Caminhando e controlando a alimentação.

No início, o controle alimentar (regime de fome mesmo!) foi um fator muito mais importante na perda de peso do que o exercício físico.

Comecei caminhando uns 3 km, passeando mesmo. Colocava o fone de ouvido com um mp3 repleto de músicas dasantigas e ia. Tentava ir todos os dias, pois quando não podia ir – por fatores diversos – não sentia muito remorso.

Aos poucos fui aumentando a distância e, depois, fui aumentando o ritmo da caminhada. Alguns dias eu ia “treinar”, alguns dias eu ia relaxar. O peso foi baixando e a vontade de começar a correr aumentando.

Um belo dia decidi: hoje começo a correr. E fui.

Caminhei um pouco para aquecer, corri a enorme distância de 200 metros, quase morri e continuei a caminhada.

Caminhei normalmente no dia seguinte e no outro eu DOBREI a distância correndo: caminhei, corri 200 metros, caminhei e na volta corri mais 200 metros.

Depois dividi em 3 trechos de 200 metros mas sempre totalizando a mesma distância entre corrida e caminhada.

Ficou mais ou menos assim: caminhava 1 km corrida 200 metros, caminhava 1,5 km, corria 200 metros, retorno, caminhava 1,5 km, corria os últimos 200m e completava até o ponto inicial. Aproximadamente 5 km.

Aos poucos fui aumentando cada trecho: 300-200-200, 300-300-200, 300-300-300, 400-300-300…

Claro não sou nenhum relógio, então estou usando um pouco de “liberdade poética”, pois tinham dias que eu corria um pouco mais e outros em que eu não corria o último trecho.

Se você acha que não consegue correr, tente este método. Se eu consegui, qualquer um consegue.

Em pouco tempo você vai sentir a inenarrável alegria de completar 1 km correndo…